Tag Archives: life

Em grande, Deolinda…

29 Jan

.. e grande lição para todas as (pequenas) empresas que se acham grandes demais para pagar a recém-licenciados … cheios de ideias, de motivação e de força de vontade p’ra dar o que têm, p’ra mostrar ao Mundo o que sabem (!) Força, colegas desta (que sei que para muitos é) geração sem remuneração!

Clap, clap, clap aos Deolinda!

Sou da geração sem remuneração
E não me incomoda esta condição
Que parva que eu sou

Porque isto está mau e vai continuar
Já é uma sorte eu poder estagiar
Que parva que eu sou

E fico a pensar
Que mundo tão parvo onde para ser escravo é preciso estudar

Sou da geração casinha dos pais
Se já tenho tudo p’ra quê querer mais?
Que parva que eu sou

Filhos, marido estou sempre a adiar
E ainda me falta o carro pagar
Que parva que eu sou

E fico a pensar
Que mundo tão parvo onde para ser escravo é preciso estudar

Sou da geração vou queixar-me p’ra quê?
Há alguém bem pior que eu na tv
Que parva que eu sou

Sou da geração eu já não posso mais
Que esta situação dura há tempo demais
E parva eu não sou

E fico a pensar
Que mundo tão parvo onde para ser escravo é preciso estudar

bye bye, silly season

8 Set

… blogging again (!)

Pensamento do dia

20 Jul

… quando as scuts passarem a AE, todas as zonas em que somos obrigados a ir a 60Km ou 80Km, milagrosamente vão ganhar condições para andarmos a 120km?

Contraluz

20 Jul

.. porque gostei muito do Sorte Nula (do mesmo realizador), porque adorei a mensagem inicial do A.Feio; porque o trailer promete um grande filme; e porque tanto o realizador como uma grande parte do elenco são portugueses;  … decidi partilha-lo e entusiasmar-vos a irem ao cinema a partir de 22 de Julho 🙂

site do filme, aqui

… because it’s really difficult to wake up in the morning!

30 Jun

…. porque hoje estava capaz de dormir o dia todo… todo mesmo!

ok ok, e aproveito para mostrar a animação,
 que está fantástica!

… e por falar nas maravilhas das vuvuzelas

16 Jun

vuvuzelas

Segundo o Jornal de Negócios, a Meo vem responder à insatisfação de todos os portugueses (ok ok, deixando de fora os meus 500 mil inimigos!) e disponibiliza (já a partir de amanhã) uma nova funcionalidade: a possibilidade de poderemos assistir aos jogos do Mundial 2010 sem ouvir o agradável, sonoro, delicioso e encantador som das vuvuzelas (!)

Para tal, basta aceder à emissão no canal que está a transmitir o jogo, através da Meo, e escolher a opção “Sem vuvuzelas” (inserida nas opções de visualização).

Esta funcionalidade é conseguida através de um processo de filtragem do áudio que permite disponibilizar duas emissões, uma emissão com o áudio nativo, incluindo o som dos instrumentos típicos sul-africanos, e outra emissão sem este som”

clap, clap,clap!

+ info.

Há 500mil portugueses na minha lista negra!

16 Jun

Não consigo compreender muito bem como, mas pelos vistos a Galp Energia, através da sua campanha de apoio à selecção (Um Minuto de Energia Positiva), já ultrapassou a fasquia das 500 mil vuvuzelas vendidas aos portugueses…